sábado, 31 de março de 2012

Projeto Letras & Artes Horácio 2011: jovens, poesia, arte, amizades, vida...



Projeto Letras & Artes Horácio 2011

O “Projeto Letras & Artes Horácio 2011” reúne criações literárias e artísticas dos alunos dos 7ºs anos de 2011, do Ensino Fundamental da EMEB Horácio de Salles Cunha, em Valinhos, SP, sob a coordenação das professoras Clarice Villac, de Língua Portuguesa, e Leila Rangel, de Artes.


O projeto consistiu em sortear entre os alunos do 7º. Ano B os dois livros de minha autoria que enviei para a Escola, onde cada um deles, após a leitura dos mesmos, deveria apontar o texto que mais lhe agradou a ser lido para toda classe comentar a respeito e assim sucessivamente procedendo-se novos sorteios, os quais resultaram numa atividade bastante envolvente e motivadora de trabalhos bem elaborados.

A Profª. Clarice Villac que muito me honra com sua presença em meu círculo de amizades virtuais, notadamente como seguidora deste nosso modesto blog (Poeta das Águas Doces), atuou como revisora da coletânea “Varal Antológico”, organizada pela escritora Jacqueline Bulos Aisenman, natural de Laguna-SC e residente em Genebra (Suiça), e teve a generosidade de comunicar a Jacque sua apreciação sobre o “Velho Chateau Daqueles Rapazes de Antigamente”, com o qual participei daquela obra, opinião que me foi transmitida em 14/02/2011 pela ilustre lagunense. Através de rastreamento na Internet, acabei descobrindo o endereço eletrônico da Profª. Clarice e assim agradeci sua atenção.

Logo depois, resolvi lhe enviar “Lá Pelas Tantas” e “Para Não Dizerem Que Passei em Brancas Nuvens”, títulos de minha autoria. Desta forma, fiquei conhecendo a moça idealista com notável atuação nas áreas pedagógicas e ambientais, uma persistente semeadora de valores humanísticos em sua comunidade, como pude constatar não só através de “Cantinho Literário” e “Ponto de Luz”, portais que edita com brilhantismo na Internet, como também das virtuosas atividades que vem desenvolvendo em sua Escola.

Palavra que não esperava essa tremenda repercussão alcançada junto a um jovem público que me analisa detidamente e externa espontaneamente seus qualificados comentários. Impressionou-me sobremaneira o entusiasmo com que levaram a cabo suas tarefas, fruto do carinho e paciência com que são orientados para futuramente exercerem com dignidade a sua cidadania. As duas mestras, Clarice e Leila, são bem uma mostra da abnegação dessa briosa classe dos educadores, ainda não suficientemente valorizada em nosso país.

A utilização da ferramenta informática em sala de aula demonstra bem a importância da interatividade entre professores e alunos que assim podem trocar idéias e enriquecer conteúdos didáticos, estabelecendo bases sólidas para um melhor rendimento através de um aprendizado rico de saber humanístico.

Reproduzido do Blog Poeta das Águas Doces . José Alberto de Souza
18 dez 2011


Conheça algumas poesias e textos dos jovens da Escola Horácio clicando aqui.

“E deixamos de ser amigos virtuais”

Eu escolhi esse texto porque o título me chamou atenção, resolvi ler e adorei.

Minha opinião sobre esse texto é que sementes podem ser alguma coisa em sua vida, tornam um lugar sem nada para uma floresta, ajudam muito o meio ambiente, e o mais importante é fazer novos amigos ali, mas há um problema, que eles são virtuais.

A mensagem que esse texto me trouxe foi que por mais que tenhamos curiosidade sobre as coisas, devemos nos controlar, um dia o resultado daquilo tudo irá crescer e foi isso que aconteceu.

Bruna Mota dos Santos

2 comentários:

Ivana Maria França de Negri disse...

Parabéns Clarice e demais envolvidos no projeto!

abraços

José Alberto de Souza disse...

Sumamente honrado com a reprodução da postagem em nosso blog, agradeço a atenção de divulgarem esse importante projeto da Escola Municipal de Ensino Básico Horácio Salles da Cunha.